Você conhece o mais completo site brasileiro especializado em "causa mortis" de personalidades famosas e históricas? www.MORTENAHISTORIA.blogspot.com

CARTAZ DE ESCRAVO FUGIDO - 1854

CARTAZ DE ESCRAVO FUGIDO - 1854  

DATA DA FOTO: 1854 
FOTÓGRAFO: Desconhecido. 
LOCAL: Rio de Janeiro, Brasil.
FONTE: www.museudeimagens.com.br 

Cartaz relatando um escravo fugido, 1854. Cartaz “Crioulo fugido; desde o dia 18 de outubro de 1854, de nome Fortunato”. Rio de Janeiro, Laemmert, 1854. Cartaz. 26,5 cm x 16 cm. Eduardo Laemmert (1806-1880) nasceu na Alemanha e foi, juntamente com o seu irmão, pioneiro do mercado livreiro e tipográfico brasileiro. Foram os fundadores da Livraria Universal e da Tipografia Laemmert, no Rio de Janeiro. 

Eduardo foi o primeiro a chegar no Rio de Janeiro, vindo de Paris em 1828, onde trabalhara na Casa Bossange. Antes trabalhara na Livraria e Tipografia G. Braun em Karlsruhe (1820 — 1825). Fundou no Rio de Janeiro a Livraria Universal. Cinco anos mais tarde chegou seu irmão Henrique, quando formaram a firma E. & H. Laemmert, com sede na Rua da Quitanda, n° 77. 

Eram especialistas na edição de folhinhas literárias, mapas da cidade e guias de bolso com todos os tipos de informações úteis e curiosas. O imperador D. Pedro II visitou oficialmente o notável empreendimento dos dois irmãos em 1862. 

Eduardo Laemmert era escravagista e racista, proprietário de escravos negros.

Nenhum comentário: